Coxa de Avestruz, Shimeji e Purê de Abóbora

(0)
Tempo 35min
Serve 4 pessoa(s)
Não informado

Ingredientes

 

Modo de preparo

Ingredientes:
500g de Coxa do Avestruz em fatias de 1cm de espeçura

 

Zimbro triturado

 

Manteiga

 

150g de Shimeji

 

300g de Abóbora Cabotia

 

1 copo de leite

 

Sal e pimenta a gosto

 




Modo de preparar:

 

Tempere a carne com o Zimbro triturado, sal e pimenta do reino moída. Reserve

 

 Cozinhe a Abóbora por aproximadamente 20 min ou até que fique macia. Após cozimento da Abóbora junte o copo de leite e bata em um Liquidificador até ficar homogêneo

 

Em uma frigideira derreta a manteiga com um fio de azeite para que a manteiga não queime. Deixe a frigideira bem quente, coloque as fatias na frigideira e baixe o fogo para que cozinhe lentamente. Observe quando a carne começar a soltar gotículas de suco, esse processo levara no mínimo 7 minutos. Após isso retire a carne, esquente a frigideira novamente e repita todo o processo. A carne deve ficar ao ponto, caramelizada por fora e rosada ao centro, sem sair sangue ao cortar.

 

Em uma panela, coloque a abóbora batida e mexa até encorpar. Ajuste tempero.

 

Salteie os cogumelos na mesma frigideira que grelhou o Avestruz, para conferiri sabor aos cogumelos.

 

É só servir e saborear esta deliciosa carne.

 

 

 

Harmonização: Para harmonizar escolhi a cerveja Coopers Extra Strong Vintage Ale da Austrália, uma cerveja Strong Gold Ale, Vintage, de 2008. Uma cerveja feita para guarda, onde tem sua refermentação na garrafa, antes deste processo foi armazenada em barricas de carvalho, conferindo-lhe sabor e aroma de madeira e baunilha.

 

Com 18 meses a cerveja esta em seu ápice, com álcool e lúpulo equilibrados.

 

 Com aromas e sabores de melaço, cítrico, caramelo, picante, combinando muito bem com a caramelização da carne e o cítrico e picante do Zimbro.

 

A baunilha e o toffe entrando muito bem com o purê de abóbora. Já o amargor pronunciado do lúpulo e a boa carbonatação ajudando na limpeza do paladar, para um nova harmonia.

 

Recomendo degustar a cerveja em um copo com boca larga, para que respire melhor e os sabores e aromas sejam melhores notados. E o sabor e aroma de álcool, derivado de seus 7,5%, entrem em harmonia com o restante da cerveja.